YoutubeBloggerFacebookTwitterBNDES
D-U-N-S
 

22/03/2012 - Assessor técnico da UNISOL Brasil faz nova visita a metalúrgica Coopertrim

Noticias UNIFORJA

Em mais uma etapa de trabalho, o assessor técnico da UNISOL Brasil, Alexandre Antonio da Silva foi à Minas Gerais para visitar a Coopertrim (Cooperativa dos Trabalhadores da Indústria Metalúrgica de Raul Soares) e dessa vez levou o colaborador da Uniforja (Cooperativa Central de Produção Industrial de Trabalhadores em Metalurgia) Francisco Martinez. Eles estiveram no empreendimento entre os dias 14, 15 e 16 de março com o objetivo de prestarem apoio na área de custos e verificar se as tarefas do plano de ação, construído em fevereiro deste ano, foram colocadas em prática.

Na ocasião, foram entregues cestas-básicas aos sócios cooperados, doadas pela Copromem (Cooperativa dos Produtores Metalúrgicos de Mococa), ação que será realizada durante três meses como forma de solidariedade. De acordo com o presidente da Copromem, Pedro Luiz de Souza, é de fundamental importância oferecer ajuda a Coopertrim nessa fase inicial, para que continuem gerando emprego e renda. ?A gente entende que todo começo é difícil. No início da Copromem a gente trabalhava para ganhar R$ 60 e uma cesta-básica?, contou Souza.

A cooperativa se formou a partir da falência de uma empresa, a Metalúrgica São Sebastião. Após o estabelecimento fechar as portas, os funcionários resolveram que não cruzariam os braços e que trabalhariam nos moldes cooperativistas. Atualmente, os cooperados estão em processo de recuperação do espaço e das máquinas, já que a antiga fábrica foi arrendada dentro do plano de recuperação industrial. A expectativa é que daqui a 60 dias a Coopertrim volte a produzir ferramentas agrícolas.

Para o presidente da Coopertrim, Efigênio Francisco Avelino, a cooperativa tomou forma após conversas com o diretor presidente da UNISOL Brasil, Arildo Mota Lopes e com o diretor administrativo da Uniforja, José Domingos Peres dos Santos. Na esfera jurídica, as orientações foram dadas pelo advogado Marcelo Mauad. ?Também recebemos grande apoio do deputado estadual, Durval Ângelo e o deputado federal Gabriel Guimarães. Todo o recurso aplicado na cooperativa é destinado à compra de insumos, recuperação do espaço físico, entre outras adequações?, explicou. Avelino.

A cooperativa conta com o apoio da UNISOL Brasil, Uniforja, Copromem, CNM/CUT (Confederação Nacional dos Metalúrgicos), FEM (Federação dos Sindicatos Metalúrgicos da CUT) Minas Gerais e do Sindicato dos Metalúrgicos de Belo Horizonte e Contagem.

Ver Mais Notícias